quarta-feira, 18 de março de 2015

A 5ª VAGA


Autor: Rick Yancey

Título original: The 5th wave




Sinopse: A 5ª Vaga, o volume que dá início à trilogia com o mesmo nome, é uma obra-prima da ficção científica moderna. É um épico extremamente original, que nos apresenta um cenário de invasão extraterrestre do planeta Terra como nunca antes foi escrito ou sequer imaginado. Nesta narrativa assombrosa, uma nave extraterrestre fixa-se na órbita da terra, à vista de todos mas sem estabelecer qualquer interação. Até que, subitamente, uma gigantesca onda eletromagnética desativa todos os sistemas da Terra, e todas as luzes, comunicações e máquinas deixam de funcionar. A esta primeira vaga seguem-se outras, num crescendo de violência que devasta grande parte da humanidade.



O que torna este livro no fenómeno que é, é uma mistura de vários conceitos já vistos em ficção científica, quer seja livros ou filmes, mas que nunca tinham sido misturados desta forma. A isso o autor adiciona o toque final numa fórmula muitas vezes vencedora dentro do género adolescente: criar um par de adolescentes que, ao serem as personagens principais, carregam a esperança do que os rodeia.

Torna-se óbvio, devido ao facto de as personagens principais serem dois adolescentes, que este livro é para adolescentes. No entanto, alguns dos temas aqui explorados são bastante adultos, notando-se apenas que o autor nunca explora totalmente um tema que poderia tornar o livro demasiado pesado. Tal nota-se, principalmente, nos momentos de perda que, apesar de aprofundados, são deixados para trás para que o livro não se torne apenas num enredo sobre sobrevivência.

A ideia base do livro, que é a invasão extraterrestre por fases, é algo inteligente, sendo, ao mesmo tempo, o trunfo mas também onde se encontram as falhas deste livro. O que o autor deseja criar é uma invasão inteligente e com sentido, fugindo dos clichés que o género criou para nos dar a sensação que não existe esperança para uma humanidade muito atrasada em relação aos seres invasores. No entanto, ao elevar as expectativas, acaba por não conseguir cumprir com algo totalmente coerente, não por ineficácia, mas porque não revela tudo. Posto isto, o problema deste enredo é ser apenas o início, e ao não dar todas as respostas (obviamente terão de ficar muitas para se responder nos próximos livros) o livro não consegue ter uma base coerente. 

A parte interessante é que o autor, ao contrário de muitos enredos juvenis que empolgam as massas, transmite a sensação de que tem tudo no seu controlo. Se tiver, e se der as respostas necessárias nos próximos livros, então esta saga tem tudo para ser algo fantástico dentro do género juvenil. Claro que um leitor mais maduro pode não apreciar o cliché de termos a esperança da humanidade nuns adolescentes que tentarão tudo para parar uma invasão planeada há muito tempo e por seres tecnologicamente muito superiores. A questão, vendo deste prisma, pode parecer incoerente, mas o final poderá mudar a visão de qualquer leitor se for algo lógico. Por outro lado, esse leitor mais experiente, também terá de ter a noção que este é um livro juvenil e, como tal, o autor fixa-se nessas personagens adolescentes com as quais os jovens leitores se podem ligar.

O seu ritmo elevado e a sua escrita simples são trunfos que ajudam a agarrar o leitor. Este é um livro facilmente recomendando a qualquer jovem que goste do género ou que queira conhecer o género. É um livro que sofre por não dar todas as respostas, mas é também uma obra original e que pode ser o início de algo muito interessante. Sendo o primeiro livro, não me alongo nesta análise, mas estou curioso para ver como o autor vai terminar este enredo.

3 comentários:

  1. Gostei bastante da tua opinião. Parece-me um conceito interessante. Vou estar com ele debaixo de olho.

    abraço

    ResponderEliminar
  2. Mais um para ler. Acabei agora os Maze que também gostei muito da tua opinião e agoa passo para este. Obrigada pelo teu fantástico trabalho!

    ResponderEliminar
  3. Gosto da ideia e do que escreveste mas vou esperar pelo resto das tuas opiniões para ver se compro a trilogia. Beijinhos

    ResponderEliminar