terça-feira, 19 de janeiro de 2016

TOP LIVROS 2015


TOP LIVROS 2015





O ano de 2015 foi mais um excelente ano em termos de leituras. Muitos livros bons, várias surpresas, algumas desilusões.

Comecei o ano com vários livros de Carlos Ruiz Zafón que apreciei bastante e que me ocuparam boa parte de janeiro.

Em fevereiro li o imortal "Um Conto de Natal", o surpreendente "A segunda vinda de Cristo à Terra" e ainda "O Poço da Ascensão", um dos melhores livros do ano! Em março tive duas boas surpresas com "Últimos ritos" e "Hitler".

Abril foi o mês em que li "As vinhas da Ira", um fantástico livro de Steinbeck, e ainda comecei a ler os livros da física teórica de Michio Kaku. De seguida li o mundialmente famoso "A rapariga no comboio" e aproveitar para começar a saga Freelancer. Antes do verão chegar foi ainda tempo para ler "Um homem sem passado" e o também surpreendente "Sete minutos depois da meia-noite".

Foi no verão que li "A História secreta da Gestapo" e iniciei o ciclo de "31 dias, 31 passatempos" e que novamente foi um grande sucesso. Li ainda "Objetos Cortantes" e comecei a ler Juliet Marillier, que me agradou bastante. Já em setembro regresso a uma fantástica saga para ler "O herói das Eras", mais um impressionante livro de uma das melhores sagas que já li.

Em outubro li "J", um livro que foi uma agradável surpresa e passei de imediato para "O Peregrino", um thriller com um bom ritmo e que me agarrou facilmente. De seguida li "Arranha-Céus" e comecei a ler a nova edição de "Guerra e Paz", um livro imortal e sobre o qual já falei este ano.

Para além destes, li muitos outros livros. Tentar fazer um resumo do ano nunca é fácil e por vezes é ingrato. Fora desta pequena lista estão muitos livros que apreciei, mas seria impossível falar de todos e o próprio texto só faz sentido se apenas falar dos que me marcaram mesmo.

Estes foram os livros que misturaram uma grande qualidade e que mais me agradaram. Escolher o livro favorito de um ano nunca é fácil. Fora dos meus tops ficaram ainda grandes livros que li antes de começar o blog, e que por isso nunca entraram nestas listas apesar de ter falado sobre eles, como por exemplo "O Senhor dos Anéis", "1984", "O Principezinho", "O espião que saiu do frio", "Ratos e Homens", saga "Harry Potter", entre muitos outros verdadeiramente fantásticos...



Fica aqui um pequeno resumo de cada ano:

Em 2011 elegi como livros favoritos do ano "Duna", "O jogo final"e "A glória dos traidores".

Em 2012 foram "O Mago - As trevas de Sethanon", "Eu sou a lenda" e a saga do Assassino com o grande Fitz.

Em 2013 foi "A cura de Schopenhauer" que mais me marcou, seguido do "Pistoleiro" e ainda "O triunfo dos porcos".

2014 foi o ano de "O marciano" e do fantástico "O Império Final".

Agora que 2015 acabou, e no meio de tantos livros que gostei, a minha escolha de livro favorito do ano vai para O poço da Ascensão, o segundo livro da saga que começou com O Império Final, e que me deixou abismado com a sua qualidade e revelações. É muito raro um livro de fantasia conseguir reunir tanta qualidade e ainda mais raro que toda a saga apresente essa mesma qualidade. Brandon Sanderson demonstra aqui porque é um dos nomes mais sonantes da fantasia da última década... e a grande maioria dos seus fãs afirmam que esta nem é a sua melhor saga. O escritor que detém as sagas com a melhor média de pontuação no Goodreads demonstra aqui o porquê da sua fama.

Espero que tenham gostado do meu top e novamente agradeço a todos os que passaram mais um ano a visitar este blog para ler as minhas opiniões, comentar e participar em passatempos. No final deste ano, teremos novo top!

5 comentários:

  1. Um excelente top que é o resultado de excelentes escolhas de leitura durante todo o ano. Parabéns!

    ResponderEliminar
  2. Ter dois anos seguidos livros da mesma saga nos favoritos não é por acaso, é o resultado de um génio que é o Brandon Sanderson. Espero que a Saída de Emergência continue com esta grande aposta, tanto nesta saga como noutras do autor. Parabéns pela excelente escolha.

    ResponderEliminar
  3. Que top excelente, cheio de boas leituras.
    Bem, se eu tinha alguma dúvida com Brandon Sanderson essas dissiparam-se.
    Quero muito começar em breve O Império Final e espero que toda a saga siga a qualidade de que tanto falam.

    Boas leituras para 2016!

    ResponderEliminar
  4. Um grande conjunto de livros que demonstram que os livros não estão acabados e que as escolhas do blog foram muito bons. Esta saga que começa com o Império Final está debaixo de olho desde que falaste do primeiro livro. Quando o último livro sair venho ver a tua opinião. Se for boa, compro os livros. Também fiquei com o J debaixo de olho.

    abraço

    ResponderEliminar