quinta-feira, 5 de setembro de 2019

A HISTÓRIA MÍSTICA DO MUNDO


Autor: Jonathan Black



Sinopse: E SE FOREM VERDADEIRAS AS NARRATIVAS DAS GRANDES TRADIÇÕES ESPIRITUAIS E RELIGIOSAS DO MUNDO?
E se Joana d’Arc foi realmente guiada por anjos quando derrotou os exércitos ingleses? E se Jesus Cristo apareceu realmente a D. Afonso Henriques antes da Batalha de Ourique? E se Bernadete de Lourdes foi de facto visitada pela Virgem Maria? Poderá construir-se uma História significativa a partir de histórias de intervenção angelical, de visões místicas e de experiências transcendentais?
HAVERÁ REALMENTE UMA DIMENSÃO MÍSTICA NA HISTÓRIA, UM SIGNIFICADO OCULTO NOS ACONTECIMENTOS MUNDIAIS?
Esta é uma história global do mundo que inclui centenas de factos memoráveis que os historiadores convencionais descartaram, mas que, apesar disso, sempre estiveram no nosso imaginário coletivo. São acontecimentos amplamente conhecidos e aceites como parte da tradição espiritual e cultural dos povos.



Jonathan Black, autor de "História Secreta do mundo" que já analisei aqui no blog, tem aqui mais um bom livro, com uma grande investigação como base. Esta área mais mística e teológica é onde Black se sente confortável, e isso nota-se neste livro. O conhecimento é grande, profundo e está bem misturado com a temática do livro, que é questionar os factos místicos da nossa História, questionar as nossas lendas, crenças, ou ideias religiosas.

Black agarra na teoria de que realmente algo místico pode ter moldado a nossa História, questiona o que aconteceu, os factos, o que está escrito, o que foi dito e aquilo que não sabemos sobre certos acontecimentos e tenta explorar essas falhas.

O interessante neste livro é o facto de ser muito menos tendencioso do que eu esperava. Facilmente entramos numa espiral de factos que têm várias falhas e o autor completa as nossas falhas de conhecimento com um ponto de vista mais místico que preencha essas falhas, e com isso dá sentido a muito do que aconteceu na nossa História.

Obviamente que dependerá de cada leitor acreditar ou não em algo divino ou místico, não é isso que está em causa, mas sim a forma como o autor explora certos temas, certos factos e explora um ponto de vista que faz parte da nossa História, por vezes esquecida, que é o lado místico que antigamente tantas pessoas acreditavam.

A escrita é simples, a estrutura bem criada e o autor dá o contexto necessário para cada momento da nossa História, para percebermos um pouco de onde apareceram estas crenças, que impacto tiveram e como alteraram a forma como olhámos para cada um desses momentos. Com tudo isto, um livro que no início pode parecer algo confuso, acaba por fazer bastante sentido mesmo para alguém que não acredite neste lado místico. No entanto, para aqueles que acreditam ou que gostam destes temas, este será um livro mais interessante, cheio de curiosidades e de História, quer seja ela religiosa ou não.

Luís Pinto


Sem comentários:

Enviar um comentário