quarta-feira, 25 de outubro de 2017

DELÍRIO TOTAL


Autor: Norman Ohler

Título original: Der totale Rausch - Drogen im Dritten Reich




Sinopse: O regime nazi pregava uma ideologia de pureza física, mental e moral. Mas, como Norman Ohler revela nesta envolvente história baseada em fontes até agora inéditas, o Terceiro Reich estava saturado de drogas: cocaína, opiáceos e, sobretudo, metanfetaminas, usadas por toda a gente - de operários fabris a donas de casa - e vitais para a resistência das tropas, explicando, em parte, o rápido avanço e a vitória alemã em 1940.
O uso promíscuo de drogas, inclusive ao mais alto nível, também afetou a tomada de decisões, com Hitler e o seu séquito a refugiarem-se em cocktails de estimulantes potencialmente letais, administrados pelo médico Theo Morell, incapazes de reverter o curso da guerra, que se virava contra a Alemanha.
Embora as drogas por si só não possam explicar as tóxicas teorias raciais dos nazis ou os acontecimentos da Segunda Guerra Mundial, esta descoberta leva-nos a ver os crimes de guerra cometidos contra a humanidade a uma nova luz. Delírio Total é, assim, uma peça crucial para entendermos a História mundial.


Não existe muito que possa dizer sobre este livro sem revelar algo que não devo. Gostei deste livro e da sua ideia base que sustenta toda uma investigação que me pareceu bem feita. O autor, com uma escrita simples e direta, vai explorando alguns factos enquanto enquadra o leitor nos acontecimentos história de uma forma quase sempre cronológica e com sentido. Aliás, a forma como o autor monta a narrativa é um trunfo para que a leitura seja mais fácil para qualquer leitor, mais ou menos conhecedor do assunto.

A base do livro é bastante interessante, principalmente quando se alia a alguns factos que passam a fazer maior sentido, principalmente na capacidade militar alemã em algumas fases da guerra. O ritmo do livro está bem conseguido apesar de ser uma narrativa densa. Obviamente não irá viciar quem não se sinta atraído pelo tema, mas para quem olhar para esta sinopse e ficar curioso, este é um livro com grande qualidade e que demonstra uma boa investigação.

Realmente não há muito mais a dizer sobre este livro sem mencionar alguns acontecimentos que o leitor deverá ler. A forma como o autor explora as drogas, não só nos elementos mais altos do governo nazi, mas também nos seus soldados, tornou o livro muito mais interessante do que eu esperava numa fase inicial. Se olharam para esta sinopse e ficaram curioso, este é um livro que vos irá ensinar bastante e fazer-vos pensar sobre muito do que aconteceu durante estes anos, mesmo tendo a noção que algumas coisas dificilmente poderão ser comprovados para lá do que este livro demonstra.

Globalmente, é um livro totalmente recomendado a quem gostar do tema. Intenso e perturbante. Uma visão totalmente nova.

Luís Pinto

Sem comentários:

Enviar um comentário