quarta-feira, 13 de março de 2013

A ESPADA AJURAMENTADA - BD


Autor: George R. R. Martin

Título original: The Hedge Knight II: Sworn Sword


É sempre bom voltar a Westeros e respirar um pouco deste fantástico mundo que George R. R. Martin criou.

Após ter lido o primeiro livro das aventuras de Dunk e Egg (ver este link) regresso novamente a Westeros para continuar com as suas aventuras que se passaram uma centenas de anos antes de As Crónicas de Gelo e Fogo.

Tal como no livro anterior, o trabalho gráfico está excelente. Não sou um perito no assunto, mas todas as imagens apresentam detalhes interessantes, cores vivas e uma sequência que nos ajuda a facilmente perceber e imaginar a ação.

Novamente somos brindados com um livro que se lê sem parar, e que nos levará a conhecer um pouco mais de Dunk. Pelo meio ficaremos a saber bastante sobre o passado de Westeros, principalmente sobre a família Targaryen que reina no trono de ferro.
No entanto, este livro foca-se mais em Dunk e na evolução da sua personalidade. Agora mais maduro e sempre justo, Dunk continua a ser um cavaleiro ao qual as palavras faltam muitas vezes para vencer nestes jogos de intrigas, mas a sua boa vontade será sempre uma lição em qualquer contexto.

Sendo assim, esta história foca-se em duas situações: uma batalha passada da qual surgiram muitas consequências, e um problema local que Dunk terá de resolver, não por obrigação, mas por sentir que é o correto. Pelo meio serão revelados vários segredos. Realço ainda que o problema central da história dá um toque de realismo ao enredo, pois estamos perante um problema do dia a dia, mas muito importante, e ficamos assim a ver o desenrolar de acontecimentos que em nada mudarão Westeros, mas não é por ter uma dimensão menor que será menos importante para quem é afetado.

Claro que sendo um livro de GRRM, a intriga política está presente em força (apesar de mais leve do que num gigante livro das Crónicas), e a linha que separa os bons dos maus continua a ser muito frágil, acabando em surpresas (principalmente no fim) e em atos cruéis, como o autor já nos habituou. A religião continua presente e as personagens são humanas, e neste ponto devemos apreciar que a grande qualidade de GRRM nas Crónicas, também está aqui presente: é o realismo das personagens e a facilidade como as define em poucas páginas.

Tentando não revelar nada da história, este livro mostra que não é preciso nascer em berço de ouro para se ser nobre ou honrado. O dinheiro não compra a honra nem valores morais, e o pobre que não tem dinheiro, não terá de ser uma pessoa sem dignidade. Esta segunda aventura de Dunk e Egg (que neste livro continua a ser uma personagem importante, apesar de não tão relevante), dá vontade de ler já o próximo pelo seu final interessante. Não tem o impacto do livro anterior, por não ter tantas personagens importantes e não revelar os segredos que o anterior nos revelou, mas continua a ser uma excelente leitura para todos os fãs de Westeros e que queiram saber um pouco mais sobre o que levou a casa Targaryen à sua queda.

Luís Pinto

8 comentários:

  1. Já queria e agora ainda quero mais. A carteira é que não dá para tudo mas a feira está a caminho!

    ResponderEliminar
  2. Boa análise, vou ver se compro! GRRM volta!

    ResponderEliminar
  3. Olá Luís,

    É sempre um perigo para as nossas carteiras ler os teus comentários e ora aqui está mais um que ficou interessado.

    O passado de Westeros tinha ainda muito para ser explorado, mas nada como o Martin se dedicar mas é a terminar as cronicas e depois logo fazia umas prequelas :D

    Adorei o teu comentário, parabens ;)

    Abraço

    ResponderEliminar
  4. como sempre bom comentário. este já estava a pensar comprar e como ainda não li o anterior devo comprar os dois quando tiver hipotese.

    abraço

    ResponderEliminar
  5. Estes livros ainda aumentam mais a vontade de ler os próximos do GRR Martin. Esperemos que não demore muito. Parabéns pela análise.

    Boas leituras

    ResponderEliminar
  6. Não querendo ser o único a destoar neste blog, não deixo no entanto de dizer que estou um pouco decepcionado com este novo volume, isto porque a qualidade gráfica relativamente ao volume anterior diminuiu bastante, e isto é fácil de comprovar: basta ver as páginas finais d'O Cavaleiro de Westeros, onde se faz a apresentação deste novo volume, e compará-las com as páginas equivalentes d'A Espada Ajuramentada. É como comparar num filme a versão DVD com a versão Blu-Ray. As cores estão mais esbatidas, os desenhos com menos detalhe... Paciência, mesmo assim não deixa de ser um grande livro.

    ResponderEliminar
  7. Obrigado a todos pelos comentários. Tenho pena de não ter respondido antes!

    José Lopes, vou ver o que dizes, pois realmente não fiz a comparação que falas. Como disse, não sou um grande conhecedor nesta área, porque são poucos os livros de BD que li. Vou fazer essa comparação que falas.

    ResponderEliminar
  8. Boas Luis,

    Sei que estou sempre atrasado, mas vou comentando conforme vou lendo e ultimamente os livros que tenho lido não estão, ou ainda não estão neste teu maravilhoso blog.

    Este livro foi um pouco tépido, comparando com o 1º que relatava um acontecimento histórico muito badalado na Saga de GRRM, por isso ficou aquém das minhas expectativas, gostei da parte em que retractaram uma guerra antiga muito bom, acho que o “Silmarillion” da Saga Gelo e Fogo, previsto para 2014 adiando assim o volume 11 para 2015 ='( , vai dar mais pormenores dessa batalha e da historia do cavaleiro verde, mas isso são contas de outros rosários.
    No entanto devo dizer que é um excelente livro de BD, com ambiente Westeros o que só por isso já valeu a pena .

    Abraço.

    ResponderEliminar