sexta-feira, 14 de agosto de 2015

SAPIENS - HISTÓRIA BREVE DA HUMANIDADE

 
Autor: Yuval Noah Harari


Título original: Sapiens



Sinopse: O fogo deu-nos poder. O boato ajudou-nos a saber cooperar. A agricultura aumentou o nosso apetite. A mitologia manteve a lei e a ordem. O dinheiro deu-nos algo em que confiar. As contradições geraram a cultura. A ciência fez-nos letais."Sapiens: História Breve da Humanidade" é uma obra fundamental que não se concentra apenas no passado, procurando também explicar os significados mais profundos e as implicações morais e existenciais dos acontecimentos humanos. Este livro apresenta toda a evolução da nossa civilização, desde a pré-História, passando pelos Descobridores e os primeiros colonos, as revoluções agrícola e industrial, e até aos desenvolvimentos científicos e tecnológicos das últimas décadas. Recorrendo a ideias da paleontologia, antropologia e sociologia, o autor, Yuval Noah Harari, analisa os principais saltos evolutivos da humanidade, desde as espécies humanas que coexistiam na Idade da Pedra até às revoluções tecnológicas e políticas do século xxi — que nos transformaram em deuses, capazes de criar e de destruir.Num registo acessível e entusiasmante, "Sapiens: História Breve da Humanidade" procura não só explicar o que aconteceu, e como aconteceu, mas também revelar o que sentiram os seres humanos durante os vários processos evolutivos — e perceber se somos hoje um ser mais feliz ou infeliz. Esta é uma obra desafiadora, desconcertante e inteligente — uma perspetiva única e original sobre a nossa História e o impacto do ser humano no planeta.
 
 
 
Tive uma enorme vontade de ler este livro assim que o vi na prateleira de uma livraria. Apesar de tentar que as expectativas nunca sejam demasiado altas, a verdade é que estava confiante neste livro e felizmente confirmou-se. Sapiens é um livro extremamente abrangente e inteligente, capaz de nos expor noções e teorias com uma facilidade que torna toda a leitura muito agradável.

Para mim o grande trunfo do livro está na forma como o autor consegue ligar vários temas para explicar a evolução do ser humano e também da sociedade em que vive. Aliás, era exatamente isso que procurava: uma narrativa que juntasse fatores evolutivos biológicos com as noções de finanças, religião, poder, ciência, etc. Tudo o que nos envolve condiciona-nos enquanto membros de uma sociedade mas também enquanto espécie, e esses resultados estão aqui explicados, levando o próprio leitor a questionar algumas noções e a retirar as suas conclusões.

Com isso, vemos o quanto as nossas ações e criações nos alteraram nos últimos milhares de anos, originando, desde o início dos tempos, a uma necessidade de adaptação, quer social, quer de sobrevivência. E é com esta abrangência que o autor vai avançando no tempo, nunca perdendo o foco, nem nunca perdendo um ritmo que apesar de lento nos consegue agarrar, pois vamos vendo as ligações e percebendo como existem semelhanças entre o antes, o agora, e, provavelmente, o depois.

No meu caso, e mesmo já tendo lido alguns livros sobre o tema, a verdade é que ainda não tinha lido nenhum tão completo e tão esclarecedor, levando-me a dizer que se quiserem ler algo sobre este tema, sem ir mesmo para um estudo muito denso, então este livro é a minha recomendação, e falar mais sobre a sua narrativa seria desvendar algumas noções que acredito que o leitor deverá ganhar pela ordem certa, enquanto lê estas páginas.

Sem dúvida um livro muito bom, que talvez só interesse a quem queira ler sobre o tema, mas que vale a pena! Provavelmente voltarei a lê-lo um dia, e acredito que irei retirar outras conclusões. Muito bom!

Luís Pinto


3 comentários:

  1. Grande análise a um livro que me parece muito interessante.

    ResponderEliminar
  2. Já tinha visto este livro e na altura não fiquei muito curioso mas agora vou dar-lhe uma oportunidade. A esperar por uma promoção....

    ResponderEliminar
  3. Novamente um tema diferente e pouco falado mas que neste blog tem espaço. parabéns pela incrível diversidade e qualidade nas críticas. Este é mais um livro que vai para a lista de compras dos próximos tempos.

    ResponderEliminar